Projeto de UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) ou CTI (Centro de Tratamento Intensivo) com 5 leitos

CÓDIGO - HP-121

CLIQUE AQUI para saber mais sobre este Projeto e Planta Baixa de Como Montar UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) ou CTI (Centro de Tratamento Intensivo)

Projeto de UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) ou CTI (Centro de Tratamento Intensivo) com as seções:

Posto de enfermagem / área de serviços de enfermagem
Área para prescrição médica
Quarto para isolamento
Área coletiva de tratamento
Sala de higenização e preparo de equipamentos
Sala de entrevistas
Sala de utilidades
Sala de espera para acompanhantes e visitantes
Quarto de plantão
Sala administrativa ( secretaria )
Rouparia
Depósito de material de limpeza
Depósito de equipamentos e materiais
Copa
Banheiro para quarto de plantão
Área de estar para equipe de saúde
Sanitários com vestiários para funcionários ( mas. e fem. )
Sanitário para público (junto à sala de espera)
Sanitário para pacientes ( geral )


Critérios de classificação entre as diferentes Unidades de Tratamento Intensivo - UTI

Das Unidades de Tratamento Intensivo do tipo II;

Deve contar com equipe básica composta por:

- um responsável técnico com título de especialista em medicina intensiva ou com habilitação em medicina intensiva pediátrica;

- um médico diarista com título de especialista em medicina intensiva ou com habilitação em medicina intensiva pediátrica para cada dez leitos ou fração, nos turnos da manhã e da tarde;

- um médico plantonista exclusivo para até dez pacientes ou fração;

- um enfermeiro coordenador, exclusivo da unidade, responsável pela área de enfermagem;

- um enfermeiro, exclusivo da unidade, para cada dez leitos ou fração, por turno de trabalho;

- um fisioterapeuta para cada dez leitos ou fração no turno da manhã e da tarde;

- um auxiliar ou técnico de enfermagem para cada dois leitos ou fração, por turno de trabalho;

- um funcionário exclusivo responsável pelo serviço de limpeza;

- acesso a cirurgião geral(ou pediátrico), torácico, cardiovascular, neorocirurgião e ortopedista.



O hospital deve contar com:

- Laboratórios de análises clínicas disponível nas 24 horas do dia;

- agência transfusional disponível nas 24 horas do dia;

- hemogasômetro;

- ultra-sonógrafo;

- eco-doppler-cardiógrafo;

- laboratório de microbiologia;

- terapia renal substitutiva;

- aparelho de raios-x móvel;

- serviço de Nutrição Parenteral e enteral;

- serviço Social;

- serviço de Psicologia;



O hospital deve contar com acesso a :

- estudo hemodinâmico;

- angiografia seletiva;

- endoscopia digestiva;

- fibrobroncoscopia;

- eletroencefalografia;



Materiais e Equipamentos necessários:

- cama de Fawler, com grades laterais e rodízio, uma por paciente;

- monitor de beira de leito com visoscópio, um para cada leito;

- carro ressuscitador com monitor, desfibrilador, cardioversor e material para intubação endotraqueal, dois para cada dez leitos ou fração;

- ventilador pulmonar com misturador tipo blender, um para cada dois leitos, devendo um terço dos mesmos ser do tipo microprocessado;

- oxímetro de pulso, um para cada dois leitos;

- bomba de infusão, duas por leito;

- conjunto de nebulização, em máscara, um para cada leito;

- conjunto padronizado de beira de leito, contendo: termômetro(eletrônico, portátil, no caso de UTI neonatal), esfigmonômetro, estetoscópio, ambu com máscara(ressuscitador manual), um para cada leito;

- bandejas para procedimentos de : diálise peritoneal, drenagem torácica, toracotomia, punção pericárdica, curativos, flebotomia, acesso venoso profundo, punção lombar, sondagem vesical e traqueostomia;

- monitor de pressão invasiva;

- marcapasso cardíaco externo, eletrodos e gerador na unidade,

- eletrocardiógrafo portátil, dois de uso exclusivo da unidade;

- maca para transporte com cilindro de oxigênio, régua tripla com saída para ventilador pulmonar e ventilador pulmonar para transporte;

- máscaras com venturi que permita diferentes concentrações de gases;

- aspirador portátil;

- negatoscópio;

- oftalmoscópio;

- otoscópio;

- Pontos de oxigênio e ar comprimido medicinal com válvula reguladoras de pressão e pontos de vácuo para cada leito;

- cilindro de oxigênio e ar comprimido, disponíveis no hospital;

- conjunto CPAP nasal mais umidificador aquecido, um para cada quatro leitos, no caso de UTI neonatal, um para cada dois leitos;

- capacete para oxigenioterapia para UTI pediátrica e neonatal;

- fototerapia, um para cada três leitos de UTI neonatal;

- Incubadora com parede dupla, uma por paciente de UTI neonatal;

- balança eletrônica, uma para cada dez leitos na UTI neonatal;




Humanização:

- climatização;

- Iluminação natural;

- divisórias entre os leitos;

- relógio visíveis para todos os leitos;

- garantia de visitas diárias dos familiares, à beira do leito;

- garantia de informações da evolução diária dos pacientes aos familiares por meio de boletins.





As Unidades de Tratamento Intensivo do tipo III, devem, além dos requisitos exigidos paras as UTI tipo II, contar com:

Espaço mínimo individual por leito de 9m², sendo para UTI Neonatal o espaço de 6 m² por leito;

Avaliação através do APACHE II se for UTI Adulto, o PRISM II se UTI Pediátrica e o PSI modificado se UTI Neonatal.

Além da equipe básica exigida pela UTI tipo II, devem contar com:

- um médico plantonista para cada dez pacientes, sendo que pelo menos metade da equipe deve ter título de especialista em medicina intensiva reconhecido pela Associação de Medicina Intensiva Brasileira(AMIB);

- enfermeiro exclusivo da unidade para cada cinco leitos por turno de trabalho;

- fisioterapeuta exclusivo da UTI;

- acesso a serviço de reabilitação;

Além dos requisitos exigidos para as UTI tipo II, o hospital deve possuir condições de realizar exames de :

- tomografia axial computadorizada;

- anatomia patológica;

- estudo hemodinâmico;

- angiografia seletiva;

- fibrobroncoscopia;

- ultra-sonografia portátil.

Além materiais e equipamentos necessários para UTI tipo II, o hospital deve contar com:

- Metade dos ventiladores do tipo microprocessado, ou um terço, no caso de UTI neonatal;

- monitor de pressão invasiva, um para cada cinco leitos;

- equipamentos para ventilação pulmonar não invasiva;

- capnógrafo; - equipamento para fototerapia para UTI Neonatal, um para cada dois leitos;

- marcapasso transcutâneo.



------------------------------------------------------

Outros Setores Necessários para UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) ou CTI (Centro de Tratamento Intensivo)

 

O Projeto e Plantas de UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) ou CTI (Centro de Tratamento Intensivo) contém:

1) Plantas em arquivo DWG de UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) ou CTI (Centro de Tratamento Intensivo) (pranchas em formato A0 ou A1), com:
  • Planta Baixa e Layout dos Equipamentos (UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) ou CTI (Centro de Tratamento Intensivo))
  • Planta Baixa de UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) ou CTI (Centro de Tratamento Intensivo)
  • Layout dos Equipamentos
  • Cortes
  • Fachada
  • Planta de Situação das Construções no terreno
  • Planta dos Escritórios, Vestiários, Refeitórios e outros Anexos do Empreendimento
2) Memorial Básico da Construção
3) Lista de Equipamentos Principais de UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) ou CTI (Centro de Tratamento Intensivo)
4) Lista de Materiais da Construção e Orçamento da Obra
5) Cronograma Físico-Financeiro da Obra
6) Fluxograma de Produção
7) Projeto em 3D de UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) ou CTI (Centro de Tratamento Intensivo) (opcional)



Como Montar uma UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) ou CTI (Centro de Tratamento Intensivo) Projeto e Planta Baixa

Outros Serviços Opcionais:

Projetos com Outras Capacidades (maiores ou menores)
Como Montar UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) ou CTI (Centro de Tratamento Intensivo)
Projeto de UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) ou CTI (Centro de Tratamento Intensivo)
Planta Baixa de UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) ou CTI (Centro de Tratamento Intensivo)


Projeto de UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) ou CTI (Centro de Tratamento Intensivo) com 5 leitos

Para saber mais preencha o formulário abaixo:

Projeto de UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) ou CTI (Centro de Tratamento Intensivo) com 5 leitos


Projetos StartVisa - PREENCHA O FORMULÁRIO ABAIXO PARA SABER MAIS SOBRE UTI (UNIDADE DE TRATAMENTO INTENSIVO) OU CTI (CENTRO DE TRATAMENTO INTENSIVO) :

*



*
*

 


 

Como Montar Projeto e Planta Baixa de UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) ou CTI (Centro de Tratamento Intensivo) com 5 leitos

 

Outros Projetos para UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) ou CTI (Centro de Tratamento Intensivo) SERVIÇOS EXTRAS OPCIONAIS:

  • Registro na Receita Federal para obtenção do CNPJ para UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) ou CTI (Centro de Tratamento Intensivo)

  • Contrato Social para abertura de UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) ou CTI (Centro de Tratamento Intensivo)

  • Registro na Receita Estadual para obtenção da Inscrição Estadual para UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) ou CTI (Centro de Tratamento Intensivo) com 5 leitos HP-121

  • Registro na Fazenda Municipal para obtenção da Inscrição Municipal para UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) ou CTI (Centro de Tratamento Intensivo) com 5 leitos

  • Aprovação na Prefeitura Municipal para obtenção do Habite-se de UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) ou CTI (Centro de Tratamento Intensivo)

  • Registro no INPI (Instituto Nacional de Propriedade Industrial) para obtenção da Marca da UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) ou CTI (Centro de Tratamento Intensivo) com 5 leitos

  • Registro no Serviço de Inspeção Sanitária Federal (Ministério da Saúde / ANVISA / MAPA / SIF) de UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) ou CTI (Centro de Tratamento Intensivo)

  • Registro no Serviço de Inspeção Sanitária Estadual (Secretaria Estaudal de Saúde ou da Agricultura) de UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) ou CTI (Centro de Tratamento Intensivo)

  • Registro no Serviço de Inspeção Sanitária Municipal (SIM) de UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) ou CTI (Centro de Tratamento Intensivo)

  • Registro no Órgão de Meio Ambiente para UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) ou CTI (Centro de Tratamento Intensivo) com 5 leitos HP-121

  • Projeto de Aprovação no Corpo de Bombeiros para UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) ou CTI (Centro de Tratamento Intensivo) com 5 leitos

  • Registro para obtenção do Código de Barras para UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) ou CTI (Centro de Tratamento Intensivo) com 5 leitos

  • Projeto Elétrico de UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) ou CTI (Centro de Tratamento Intensivo)

  • Projeto Hidráulico de UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) ou CTI (Centro de Tratamento Intensivo) com 5 leitos HP-121

  • Projeto Hidrosanitário de UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) ou CTI (Centro de Tratamento Intensivo) com 5 leitos

  • Projeto de Cálculo Estrutural de UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) ou CTI (Centro de Tratamento Intensivo) com 5 leitos

  • EAP de UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) ou CTI (Centro de Tratamento Intensivo) - Estrutura Analítica de um Projeto de UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) ou CTI (Centro de Tratamento Intensivo) com 5 leitos HP-121 (Work Breakdown Structure WBS)

    OBS.: Estes são serviços extras, não incluídos no Projeto Pronto.

FALE CONOSCO SOBRE ESTES SERVIÇOS EXTRAS (OPCIONAIS)


 

OUTROS PROJETOS:

Como montar Fábrica de Pasta de Alho, Temperos Prontos, Alho in natura e Alho Desidratado com capacidade de 3.000 quilos por dia.
DWG Fábrica de Telha Longa Vida com Capacidade de Produção de 500 unidades por dia
PDF Fábrica de Canudos Plásticos com capacidade para 200 pacotes/dia.
Planta Baixa de Fabricação de Briquete com capacidade para 1.000 Kg/dia.
Projeto de Fábrica de Produtos para Condomínios com Capacidade de Produção de 10.000 kg por dia
Como Montar Fábrica de Bolsas e Maletas Executivas com Capacidade de Produção de 1.000 unidades por dia
Viabilidade de Fábrica de Queijo Cobocó com Capacidade de Produção de 2.000 kg por dia
Plano de Negócio de Fábrica para Beneficiamento de Castanha do Pará com capacidade para 2.000 kg/dia.
Planta Baixa Comunidade Terapêutica para Alcoólatras com Capacidade de Atendimento de 40 pessoas por dia
Como montar Cozinha Industrial de Merenda Escolar com capacidade para 5.000 kg/dia.

Veja Como Montar UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) ou CTI (Centro de Tratamento Intensivo):